Silhouette of an oil rig photographed at sunset, late afternoon. Tanker in the background. Cross processed slightly. Photographed against the sun.

GOVERNO TENTA ATRAIR INVESTIMENTO DA NIGÉRIA PARA O SETOR DE PETRÓLEO BRASILEIRO

O governo está tentando todas as alternativas para atrair novos investimentos estrangeiros ao setor de óleo e gás brasileiro e agora aposta na Nigéria. O ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, recebeu o ministro dos Recursos do Petróleo da Nigéria, Emmanuel Ibe Kachikwu, em seu gabinete em Brasília nesta semana, com este intuito, destacando que neste ano serão realizadas três rodadas de leilão de óleo e gás no Brasil.  Leia mais

shutterstock_49572544

BNDES oferece R$ 13 bi para acelerar retomada

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) vai assumir papel inédito como supridor de capital de giro para as empresas nacionais. Até 31 de dezembro, o banco vai oferecer R$ 13 bilhões na linha BNDES Progeren, de fortalecimento da capacidade de geração de emprego e renda, dos quais R$ 5 bilhões de forma direta, o que até agora nunca tinha ocorrido de maneira ampla, e R$ 8 bilhões via agentes financeiros.  Leia mais

Silhouette of an oil rig photographed at sunset, late afternoon. Tanker in the background. Cross processed slightly. Photographed against the sun.

LÍDERES DO SETOR DE ÓLEO E GÁS VEEM MUDANÇAS EM CURSO COMO CHANCE DE MELHORAR CENÁRIO EM 2017

As consequências da crise nacional afetaram diversas camadas do setor de óleo e gás em 2016, mas as mudanças que estão em curso atualmente têm sido vistas como boas oportunidades para melhorar o panorama geral do País e fomentar novos investimentos a partir de 2017.

Com algumas diferenças de olhar, os três entrevistados desta edição da série Perspectivas 2017 traçam suas visões para o próximo ano e suas análises sobre o que se deu em 2016.

O presidente da Queiroz Galvão Exploração e Produção, Lincoln Guardado, foca suas atenções nos novos leilões, na extensão do Repetro, no fim da obrigatoriedade de operação única no pré-sal e nas mudanças do conteúdo local. Já o diretor da Frigstad Offshore no Brasil, José Almeida, fala sobre a baixa do mercado de sondas e comenta a importância de a situação da Sete Brasil ser resolvida para que sejam tiradas as incertezas sobre o segmento. O Country Manager da Modex Energy no Brasil, Carlo Vollmer Cervo, lamenta as perdas geradas para a indústria com a corrupção, mas ressalta que o fim de 2016 marcou o início de um novo movimento positivo, e se diz otimista em relação a 2017. Leia mais

istock_000003694286xlarge

GOVERNO MONTA COMITÊ PARA ACELERAR DESENVOLVIMENTO DO SETOR DE GÁS NATURAL

O governo tomou mais uma medida para tentar acelerar o processo de desenvolvimento do gás natural no País, como parte do programa Gás para Crescer, lançado há alguns meses. Após aprovação do Conselho Nacional de Política Energética (CNPE), foi criado o comitê técnico para o desenvolvimento da indústria do gás natural, junto com a aprovação de uma resolução que estabelece as diretrizes para o desenho de novo mercado de gás nacional.  Leia mais

007-017

Rio trabalha em PEC para alterar cobrança de ICMS em petróleo

RIO – O governo do Estado do Rio de Janeiro está trabalhando em uma Proposta de Emenda Constitucional (PEC) para alterar a forma como o ICMS incide sobre a cadeia de petróleo e gás no Brasil. De acordo com o secretário estadual de Desenvolvimento e Estrutura, Marco Antônio Capute, a ideia é fazer com que o setor de petróleo e gás seja tributado como os outros setores, na origem e não no destino final. Segundo ele, o fato de “o ICMS ser deferido na ponta faz com que o Rio de Janeiro tenha uma perda anual de cerca de R$ 10 bilhões”. Leia mais

_87740375_ad745816-231a-4270-beb6-afc0463d5656

VITÓRIA DE TRUMP GERA TENSÃO NOS MERCADOS, MAS AINDA É VISTA COMO INCÓGNITA PELA INDÚSTRIA DO PETRÓLEO

A surpresa do mundo com a eleição de Donald Trump para a presidência dos Estados Unidos ainda está sendo digerida pelos quatro cantos do globo, mas é vista como uma grande incógnita no setor de petróleo e gás. As bolsas amanheceram em fortes quedas após o resultado do pleito americano, e o preço do petróleo Brent chegou a cair quase 4%, mas após os primeiros momentos de tensão passou a operar de modo relativamente estável.

Leia mais

shutterstock_16086061

Rio de Janeiro quer antecipar de novo receitas do petróleo, diz Pezão

O governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, afirmou nesta quarta-feira (23), após reunião com o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, que estuda fazer a chamada “securitização” de ativos para ajudar a cobrir o déficit em suas contas. A securitização é uma operação que serve para antecipar o recebimento de receitas que um governo prevê arrecadar só no futuro. Em 2012, o Rio já adotou medida semelhante por meio da Rio Previdência, que emitiu títulos no exterior e deu, como garantia, receitas com royaties do petróleo que ingressariam nos próximos anos.

Leia mais